Na tarde deste sábado (5), o Caxias enfrentou o Mirassol, no Estádio Centenário, pela pela partida de ida da da 2ª fase da Série D. Comandada pelo técnico Rafael Lacerda, equipe venceu o Mirassol por 1 a 0, com gol do centroavante Giovane Gomez.


Caxias começou pressionando logo nos minutos iniciais da partida. Com um minuto de bola rolando, Ivan cobrou falta para grande defesa do goleiro. Na sequência, Ivan cobrou o escanteio e a bola ia sobrando para Marabá, mas a zaga afastou. Aos 7 minutos, Luiz Henrique cruzou, a bola ficou viva na pequena área, mas André Lucas ficou com ela. Aos 9, Daniel arriscou de fora da área, mas a bola foi por cima do gol. O Grená abriu o placar aos 14. No cruzamento para Mazola, o atacante grená escorou e Giovane Gomez deu uma bicicleta para mandar para o fundo da rede. Aos 23, em uma grande jogada pela direita com Ivan e Mazola, a bola foi cruzada pelo lateral-direito grená e o zagueiro quase marcou contra. Aos 31, Cássio Gabriel chutou, a bola desviou e passou à esquerda do gol de André Lucas. Na sequência, Bruninho foi lançado e na frente do goleiro chutou para defesa em dois tempos de Jeferson.


Na segunda etapa, o primeiro lance ofensivo veio da equipe visitante. Com dois minutos de partida, Patrick cobrou a falta e o goleiro André Lucas espalmou. Aos 8, o Caxias quase ampliou, após escanteio, o goleiro adversário saiu mal, a bola ficou na área, mas o Thiago Sales não conseguiu alcançar. Aos 27, Ivan cobrou escanteio e a defesa do Mirassol afastou. A bola sobrou para Claudinho, que cruzou para a área, mas Jeferson fez a defesa. Na sequência, Lucas Silva finalizou e André Lucas espalmou para escanteio. Aos 36, mais uma defesa de André Lucas, após chute de João Carlos. Ao final da partida, Carlos Alberto arriscou de longe e a bola quase foi por cima do goleiro. A partida terminou com a vitória grená por 1 a 0.


“Foi um grande resultado, talvez não a nossa melhor partida em termos de jogadas e de propor jogo, mas conseguimos entender a partida e o adversário. Foi uma das partidas mais consistes O Mirassol é uma equipe de muita qualidade, mas nossos atletas cumpriram muito bem o que foi passado nos treinos”, declarou o Técnico Rafael Lacerda.


Com a vitória, o Caxias leva a vantagem para a partida de volta, diante do Mirassol, que ocorre no próximo domingo (13), às 15h30, no Estádio José Maria de Campos Maia.


Foto: Luiz Erbes/S.E.R. Caxias

A fase de grupos da Série C terminou com clássico gaúcho. Na noite de sábado, Ypiranga e São José se enfrentaram no estádio Colosso da Lagoa, em Erechim. O confronto começou às 19h. Melhor para o time da casa, que venceu pelo placar de 3 a 1.


Com a vitória, o canarinho se classificou como líder do Grupo B, com 31 pontos. Já o Zeca despediu-se do Brasileirão Série C deste ano. O São José encerra a participação com 20 pontos em 18 jogos. Garantido na Série C de 2021. O foco agora está todo na Copa Ibsen Pinheiro e a busca da vaga na Copa do Brasil de 2021.


O Ypiranga mantém o sonho de subir para a Série B. A classificação na liderança dá um gás a equipe do norte do estado. Com a segunda melhor campanha na geral, o Canarinho vai disputar o sonhado acesso no grupo D da competição. Compõe o grupo Ypiranga, Remo, Paysandu e Londrina. Jogam todos contra todos, em partidas de ida e volta. Os dois primeiros do grupo avançam para a semifinal e sobem a Série B do Campeonato Brasileiro.


Foto: Ypiranga/Divulgação

Foi uma noite pra se esquecer. Jogando no Mineirão, contra o Cruzeiro, o Xavante não conseguiu se impor na partida e foi derrotado por 4 a 1. O gol do Brasil foi marcado por Bruno José. Já a Raposa marcou com Arthur Caike, Jarro (contra) e Rafael Sóbis, duas vezes. Com o resultado, o rubro-negro caiu para a 14ª posição com 33 pontos ganhos na Série B do Brasileiro. O próximo desafio está marcado para quinta (10), às 21h30, contra o Náutico, no estádio dos Aflitos.


A partida começou com os donos da casa marcando dois gols cedo. Aos 10, com Arthur Caike, e aos 13 com Jarro, em gol contra, a Raposa saiu na frente com dois a zero. O time do técnico Cláudio Tencati foi pra frente e conseguiu descontar. Aos 27, Jarro fez grande jogada e rolou para Bruno José, que dominou e chutou cruzado, a bola morreu no canto de Fábio. No final da primeira etapa, o Cruzeiro ampliou. Aos 47, Rafael Sóbis marcou o terceiro de pênalti.


No segundo tempo, a partida deu uma esfriada. Porém, aos 28, Rafael Sóbis marcou um lindo gol. Em um chute do meio campo, o atacante pegou o goleiro Rafael Martins, adiantado e fechou o placar. Com a derrota, o rubro-negro ocupa a 14ª posição da Série B com 33 pontos ganhos. O próximo confronto será longe do Bento Freitas de novo, na quinta (10), às 21h30, contra o Náutico, no estádio dos Aflitos.


Foto: Victor Lannes/Brasil/Divulgação