Brasil-Pel perde em Minas e atletas protestam por atraso nos salários

No estádio Independência, em Belo Horizonte, o Brasil de Pelotas enfrentou o América, em partida válida pela 24ª rodada da Série B, e foi derrotado por 2 a 0. O goleiro Carlos Eduardo ainda defendeu um pênalti no primeiro minuto da partida, mas os comandados do técnico Bolívar não conseguiram superar os donos da casa.


Após o jogo, os atletas do time gaúcho não concederam entrevistas para a imprensa, como forma de protesto ao atraso nos salários. Segundo informação do repórter Fernando Monassa, da Rádio Pelotense, o presidente Ricardo Fonseca admitiu, em depoimento à emissora, que o Brasil está devendo um mês e 45% da folha. A direção trabalha para tentar reverter essa situação. "Solicitamos um valor junto a CBF, se der tudo certo, em breve pagaremos os jogadores", afirmou Edu Pesce, gerente executivo Xavante em entrevista a Rádio Pelotense.

Com o resultado de terça-feira, o rubro-negro segue na 12ª posição na tabela de classificação com 29 pontos. O próximo desafio será na sexta (27), às 20h30, no Bento Freitas, contra o Guarani.


Foto: Mourão Panda / América