Confira a campanha histórica da volta do Ju à elite do Brasileirão

Um campeonato marcado pela regularidade que culminou com o retorno do Juventude à Série A do Campeonato Brasileiro. Assim pode ser definida a trajetória do Verdão na segunda divisão nacional na temporada. O acesso foi confirmado na sexta-feira (29.01) com a vitória sobre o Guarani, no Brinco de Ouro, em Campinas, por 1 a 0. O gol foi de Renato Cajá.

Durante as 38 rodadas o Juventude teve números importantes na campanha. O Verdão esteve no G4 em 20 oportunidades. E em 37 figurou entre os 10 primeiros na classificação. O caminho do Juventude na B começou com vitória. Jogando no Alfredo Jaconi, o Verdão bateu o CRB-AL, de virada, por 2 a 1. Na rodada seguinte confirmou a boa arrancada bateu o Sampaio Corrêa e assumiu a liderança, com 100% de aproveitamento.


Como mandante o Juventude obteve 11 vitórias e seis empates nos 19 jogos disputados. A maior goleada da equipe aconteceu no Jaconi, sobre o Paraná, com a goleada por 5 a 0. Longe de casa, o Verdão venceu seis e empatou outras 4 vezes, em 19 jogos.


Segundo melhor ataque da competição, o Ju marcou 52 gols. Breno, que deixou o clube durante o returno, foi o artilheiro com 9 gols marcados. Renato Cajá, com 7, e Gustavo Bochecha com cinco foram os outros artilheiros da equipe. Os dois também foram os atletas que mais entraram em campo na Série B, atuando em 34 das 38 partidas.


Foto: Fernando Alves/ECJuventude