top of page

Crise: Presidente do Brasil de Pelotas é afastado por até 30 dias

Na última sexta-feira, o presidente do Conselho Deliberativo do Brasil de Pelotas, Pablo Raupp Chagas, divulgou um comunicado informando uma decisão importante. Após reunião entre os conselheiros, foi decidido pelo afastamento do presidente do Brasil Evânio Bandeira Tavares por um período de até 30 dias.


"Este afastamento foi determinado para permitir que o Conselho Fiscal proceda com a análise de indicativos de possíveis irregularidades estatutárias. Ressalta-se que o Estatuto do Grêmio Esportivo Brasil prevê que o dirigente afastado tenha assegurada a possibilidade do contraditório e da ampla defesa. Ao final do processo será apresentado um relatório e, em assembleia, os sócios farão análise e deliberação final sobre a situação", afirma o comunicado.


Nesse período de afastamento, a direção do clube fica a cargo dos três vice-presidentes eleitos.


Foto: Divulgação/Brasil

Kommentare


bottom of page