Dois nomes surgem para eleição no São Paulo

Em processo eleitoral comandado pelo Conselho Deliberativo, o São Paulo escolherá a direção executiva que comandará o clube no próximo ano na segunda quinzena de novembro. Dois nomes surgem como prováveis candidatos.


O ex-presidente Paulo Costa estava à frente do São Paulo em 2013, ano do último acesso. Ele não descarta a possibilidade de colocar seu nome à disposição no pleito. Por outro lado, o atual presidente Deivid Pereira confirma que deseja permanecer. Ele recebeu do Conselho Deliberativo o aval para concorrer. Como Deivid assumiu o clube em 2019, como administrador judicial e foi eleito em 2020, a dúvida do dirigente era se o Conselho consideraria uma provável inscrição de chapa irregular por entender de que se trataria de uma segunda reeleição, o que é vedado pelo estatuto. Com a liberação, Deivid deverá protocolar chapa.


O Conselho Deliberativo ainda não definiu a data da eleição. Poderão votar os conselheiros em dia com a tesouraria do clube.


Com informações Léo Oliveira