Edir de Quadros completa 55 anos como funcionário da Federação Gaúcha de Futebol

Fosse um casamento, o 14 de junho de 2020 representaria a celebração das bodas de ametista. Na verdade, não deixa de ser um relacionamento. Não é matrimônio, mas é patrimônio. Neste domingo, Edir de Quadros completa 55 anos como colaborador da Federação Gaúcha de Futebol.


Em mais de cinco décadas como funcionário da entidade, Seu Edir, como é carinhosamente chamado por todos, desempenhou diversas funções. Ingressou na FGF como auxiliar administrativo, depois foi secretário de futebol profissional e secretário geral. Então, foi convidado a ocupar o cargo de diretor do departamento de futebol.


Neste período, o profissional atravessou nada menos que 11 gestões com dez presidentes diferentes. Questionado sobre a fórmula para tamanha longevidade no trabalho, Seu Edir responde de bate-pronto e com o tradicional bom humor.


“Sempre gostei de futebol, aí tu não vê o tempo passar. E quando mudava a direção, os caras não me mandavam embora, então eu fui ficando...”


E o tempo realmente não parece passar para ele. Do alto de seus 81 anos, Seu Edir esbanja saúde. Recentemente, ele estava na leva de funcionários que foi submetida à primeira rodada de exames de diagnóstico molecular do Covid-19. O resultado para o teste foi negativo.


A trajetória de seu Edir na Federação rendeu a ele inúmeras homenagens de diferentes instituições. Entre os títulos recebidos, reconhecimentos da Câmara de Vereadores de Porto Alegre e do Sindicato de Árbitros do Rio Grande do Sul. Quando completou o cinquentenário na FGF, ele entrou para a seleta lista de sócios honorários da entidade máxima do futebol gaúcho.


Foto: Divulgação/FGF

Fonte: Pedro Trindade/FGF/Assessoria