Focado no mata-mata, Copetti deseja conduzir Guarany para elite gaúcha após 12 anos

Dono da melhor campanha na etapa classificatória ao lado do União, o Guarany chega forte para o início do mata-mata da Divisão de Acesso. Nova etapa da competição em que o time de Bagé irá enfrentar o Brasil de Farroupilha para manter vivo o sonho de retornar à elite do futebol gaúcho.


O Alvirrubro não disputa a principal divisão do Rio Grande do Sul desde 2008. Fato que invés de amedrontar encoraja o atual elenco, como explica um dos destaques da equipe, o goleiro Copetti.


“É uma responsabilidade muito grande (conquistar o acesso), pois o Guarany é um grande clube do interior gaúcho, com dois títulos estaduais, e está alguns anos fora da elite. Sabemos da responsabilidade, do peso que essa camisa possui e, por isso, queremos ver o Guarany novamente na primeira divisão”, explicou.


O primeiro dos dois duelos da fase de quartas de final acontece neste domingo (24), na casa do Brasil de Farroupilha. Acostumado com esse tipo de decisão, Copetti ressalta como está o foco da equipe de Bagé para encarar este confronto inicial.


“Acredito que chegamos fortes, fizemos uma grande primeira fase, no entanto, sabemos que agora é outro campeonato. Estamos confiantes, mesmo sabendo que o Brasil de Farroupilha é uma equipe qualificada. Então serão dois jogos decididos nos detalhes”, projetou o jogador.


Depois do duelo deste sábado, Guarany e Brasil voltam a se enfrentar em Bagé na próxima semana. Ainda sem data definida para este próximo embate, porém com a presença do público garantida.


Fotos: Vinicius Schubert/Assessoria