Gaúcho conquista acesso com o Brusque para a Série B do Brasileiro

O Brusque carimbou seu passaporte para a Série B do Brasileirão no dia 11 de janeiro quando entrou em campo no Estádio Augusto Bauer, em Santa Catarina. O time venceu o Ituano por 4 a 2 e garantiu o acesso a Série B na próxima temporada.


A equipe catarinense vai para o seu segundo acesso seguido em competições nacionais. Dentro do grupo de trabalho está um gaúcho. O preparador físico do Brusque é Marcos Monassa Abella. O profissional é natural de Santa Maria, região central do Rio Grande do Sul e formado pela UFSM.


Logo após se formar, Monassa já começou no futebol na equipe do estado vizinho. Ele nunca trabalhou em equipes profissionais em solo gaúcho. Desde 2015 ele está no Brusque. Depois de trabalhar com as categorias de base do time, Monassa foi promovido a comissão técnica principal.


Para jogar a Série B, o clube vai ter um dor de cabeça. O regulamento do campeonato fala que os estádios devem ter capacidade mínima para 10 mil pessoas. Contudo, o Estádio Augusto Bauer tem metade apenas. O clube chegou a trabalhar em um projeto para construção de uma Arena, junto com o empresário Luciano Hang, mas as tratativas não evoluíram.


Caso não consiga jogar no município onde está sediado, o time poderá ter que jogar em Florianópolis ou Joinville. Entretanto, isso vai gerar custos de aluguel de estádio e deslocamento.

Foto: Arquivo Pessoal