GAUCHÃO: Para proposta avançar é preciso unanimidade. Falta apenas a manifestação do Brasil-Pel

Atualizado: Mai 13

Na tarde desta terça-feira (12), foi realizada mais uma videoconferência entre a diretoria da Federação Gaúcha de Futebol e os representantes dos 12 clubes que participam do Gauchão. Na reunião, os dirigentes reiteraram a intenção em terminar a disputa dentro de campo. Diante da sinalização positiva dos mandatários, a FGF apresentou uma proposição para apreciação sobre o reinício do campeonato. A proposta da Federação contém os seguintes itens:


>>> Período-base para retomada entre o fim de julho e o início de agosto;

>>> Clubes teriam contratações livres para o estadual;

>>> Nenhuma equipe seria rebaixada ao término da competição;

>>> Gauchão de 2021 teria 14 equipes;

>>> Em 2021 teríamos 4 clubes rebaixados para Série A2;

>>> Seguem subindo dois da Divisão de Acesso 2020.


Onze clubes deliberaram favoráveis a respeito da proposição, mas como um representante teve que se ausentar não foi aprovada hoje mesmo. O Brasil de Pelotas vai dar seu voto amanhã, quando teremos a conclusão da análise às 14h. O clube da zona sul também aprovará a proposta. Com o sinal positivo dos 12 clubes, o documento será encaminhado aos órgãos responsáveis para homologação. A Federação esclareceu que qualquer alteração no regulamento tem que ser validada por unanimidade (aprovação de todos) e ainda necessita ser referendada pelo Tribunal de Justiça Desportiva do Rio Grande do Sul, Ministério Público e Secretaria Nacional de Esportes.


Foto: Peleia FC/Tiago Nunes

Com informações FGF e Peleia FC