Luciano Hocsman participa de audiência pública sobre consumo de bebidas alcoólicas nos estádios

O presidente da Federação Gaúcha de Futebol – FGF, Luciano Hocsman, participou de audiência pública para debater o projeto de lei que autoriza a comercialização e o consumo de bebidas alcoólicas em estádios do Estado, proibidos desde 2008.


A reunião sobre o Projeto de Lei 466/2021 aconteceu na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul nesta segunda-feira (23) e foi realizada pela Comissão de Segurança, Serviços Públicos e Modernização do Estado – CSSP.


- Como presidente da Federação Gaúcha de Futebol, tenho ciência das responsabilidades sobre mim. Tenho convicção de que o modelo apresentado nos dará a regulamentação responsável para a comercialização e o consumo de bebidas alcoólicas nos estádios do Rio Grande do Sul. A Federação é favorável ao PL 466/2021 e, a partir da regulamentação e aprovação da lei, iremos inserir nos regulamentos das nossas competições as situações previstas na lei para que a pena não seja somente na esfera civil, mas também na esfera desportiva - destacou o presidente da FGF, Luciano Hocsman.


Ainda segundo Hocsman, os clubes estão preparados para fiscalizar e fazer cumprir a regulamentação do consumo de bebidas nos estádios.


- Não passa somente pela questão econômica, passa pela questão desportiva - completou.


Estiveram presentes, de forma presencial e virtual, representantes de Grêmio, Internacional, Lajeadense, Glória, São Luiz, Ypiranga e São Paulo. Todos se manifestaram favoráveis à aprovação da lei. Dirigentes de Brasil-Pel, Caxias e Juventude também acompanharam a audiência.


A proposta do projeto de lei prevê a comercialização em pontos específicos nos estádios, com a limitação de teor alcoólico em 14% e projeta que avisos gráficos e sonoros alertem os torcedores sobre os malefícios do consumo de bebidas alcoólicas. O PL 466/2021 foi criada pelos deputados Giuseppe Riesgo (NOVO), Fábio Ostermann (NOVO), Gaúcho da Geral (PSD), Marcus Vinícius de Almeida (Progressistas) e Sérgio Turra (Progressistas).


Foto: Christiane Matos/FGF

Fonte: Angelo Pieretti e Lucas Rizzatti