top of page
Buscar

No retorno ao Rio Grande do Sul, técnico quer primeiro acesso na carreira pelo Novo Hamburgo

O Novo Hamburgo apostou em uma jovem promessa do futebol brasileiro a reformulação da equipe visando o Campeonato Brasileiro Série D. A equipe, que foi rebaixada no Gauchão, contratou o técnico Lucas Isotton, de 38 anos, para comandar o elenco tanto na competição nacional quanto na Copa FGF. O treinador falou o que o motivou a aceitar o desafio.


“Sou gaúcho, nascido e criado em Caxias, e voltar para o meu Estado para essa segunda etapa como treinador é algo que me motiva muito. Tive minha primeira oportunidade no Concórdia e sou muito grato à instituição, e ainda mais grato ano Novo Hamburgo por esta nova oportunidade. Tenho um empenho pessoal neste acesso pois ele seria o símbolo de uma transição completa”, disse o treinador.


Carreira


Porém, mesmo jovem, engana-se quem acha que Isotton possui pouca experiência. Com 22 anos trabalhando com futebol, Isotton possui a Licença A da CBF Academy para treinadores de futebol.


Começou no cargo de treinador nas categorias de base, migrou para auxiliar técnico no profissional e hoje é técnico na categoria profissional. Já passou por clubes como Juventude e Caxias, Paraná Clube, Botafogo-PB, ABC-RN, Cuiabá-MT, Vila Nova-GO, Criciúma-SC, Paysandu-PA, São Bernardo-SP, Operário-PR, Santa Cruz-PE e o já citado Concórdia-SC. Seja como interino ou como técnico efetivado, o gaúcho comandou equipes em 33 partidas oficiais, com 17 vitórias, 7 empates e 10 derrotas.


Fotos: Jeferson Couto/NH

Comments


bottom of page