Polêmica: Avaí pedirá anulação de jogo após ser obrigado a substituir atleta infectado

O meio-campista Valdívia, do Avaí, entrou em campo neste sábado infectado pelo novo coronavírus. O jogador foi titular no confronto com os alagoanos do CSA e foi substituído no intervalo por Renato, após o clube catarinense receber o exame confirmando o resultado positivo. O jogo terminou 1 a 1, mas o presidente do time catarinense pedirá anulação do duelo. O presidente do time de Florianópolis anunciou que pedirá anulação do jogo por interferência interna.


"O que estranha é que alguém credenciado pelo laboratório liga para o membro da CBF. Estranho que um credenciado do laboratório tenha o telefone direto de um responsável pelo jogo. É muito estranho. Depois chegou a informação de que o laboratório é de uma pessoa vinculada ao CSA. Com essa situação convoquei o jurídico do Avaí pedindo anulação do jogo por interferência externa de pessoas não ligadas ao clube. Se tiver condição, certamente vamos pedir a anulação na segunda", declarou o presidente do clube, Francisco José Battistotti, ao site Globo Esporte.


Este exame foi referente ao próximo jogo do Leão da Ilha, contra o Juventude. Para o duelo com o CSA, o resultado liberou o atleta para jogar. Segundo o protocolo de segurança de prevenção ao novo coronavírus da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), os profissionais de cada equipe deverão ser testados com 72 horas de antecedência de cada partida. Por isso, hoje os atletas foram submetidos a testes por volta das 10h30, visando o jogo contra os gaúchos.


No intervalo, após o clube receber a notificação de que Valdívia testou positivo, o técnico Claudinei Oliveira promoveu a substituição do atleta, que se encontra assintomático.


CBF EMITE NOTA


A entidade se posicionou por nota:


1 - Conforme previsto no protocolo das competições, todos os jogadores do Avaí realizaram testes antes do jogo diante do CSA, com resultados negativos.

2 – Visto que o Avaí tem jogo marcado para a próxima terça-feira, 19, diante do Juventude, os atletas foram submetidos a novo exame neste sábado, em laboratório escolhido pelo clube, no qual foi detectado o resultado positivo do jogador Valdívia.

3 – Durante o primeiro tempo do jogo de hoje contra o CSA, o Supervisor da partida foi informado do resultado do exame por um profissional credenciado do laboratório responsável. Por zelo, comunicou ao médico do Avaí que, após confirmar o resultado do exame enviado pelo laboratório, tomou a decisão de retirar o atleta do jogo.


Foto: Divulgação/ Avaí

Com informações Agência Brasil e GE