São José conquista ponto fora de casa na abertura da Série C

Ele chegou ao Passo durante o Gauchão, mas uma crise de apendicite lhe derrubou. Cirurgia, tempo de recuperação, e o estadual já havia chegado ao fim. Foi preciso o mês de preparação para o Brasileiro Série C e, na tarde deste sábado, finalmente, o volante Machado estreou, de fato, pelo São José. E no seu melhor estilo. Aos 38 minutos do segundo tempo, o volante cobrou fechado e surpreendeu ao goleiro da Tombense, com a bola entrando direto: golaço olímpico que determinou o empate em 1 a 1 e o primeiro ponto do Zeca no Brasileirão, jogando no interior de Minas Gerais.

“Desde a base, sempre gostei de cobrar escanteio, e de cobrar nesse estilo. O Jaques (Rafael Jaques) não sabia que eu poderia cobrar com os dois pés, dos dois lados. Falei para ele e pedi para bater. Fui muito feliz na cobrança e saímos com um resultado muito importante nessa estreia, que vai nos ajudar muito nesta campanha”, conta Machado.

A cobrança que resultou no gol foi o resultado de um segundo tempo inteiro de pressão do São José no campo adversário, como se a equipe comandada por Rafael Jaques é que fosse dona da casa. Foram pelo menos outras três claras oportunidades para marcar, com o centroavante Luiz Eduardo, que cabeceou raspando o travessão aos 13 minutos da segunda etapa, e depois, com Maradona e Matheusinho em chutes potentes de dentro da área.

“Saio daqui muito contente pela força de reação que o time mostrou. Enfrentamos um time de muito boa qualidade, saímos atrás e conseguimos um desempenho muito superior no jogo durante o segundo tempo. Agora, vamos trabalhar para termos esta atitude e esta forma de encarar o jogo durante os 90 minutos”, diz o técnico.

A reação veio depois da primeira metade do jogo, em que a Tombense teve a iniciativa e, aos 33 minutos de jogo, os donos da casa saíram na frente, com um gol de cabeça de Édson na cobrança de escanteio.

E se a força ofensiva do Zeca foi a que apareceu ao na segunda metade do jogo, o goleiro e capitão Fábio foi uma constância. Ele fez pelo menos três brilhantes defesas que garantiram o primeiro ponto na competição. No final do primeiro tempo, Fábio defendeu um chute à queima-roupa depois de uma arrancada do ataque da Tombense. E, no último lance do jogo, quando o cronômetro já apontava 51 minutos, ele foi decisivo e buscou no canto uma cobrança de falta potente. Se não bastasse, ainda buscou o rebote. Fechou o gol.

O Zeca volta a campo na tarde do próximo sábado, no Passo d’Areia, diante do Luverdense, que estreia neste domingo, contra o Juventude, em Lucas do Rio Verde. Com os resultados do primeiro dia de competição, o São José está na quarta posição da tabela.