Ypiranga emite nota sobre possível caso de injúria racial durante jogo da Série C

No último final de semana, o Ypiranga entrou em campo pela Série C do Brasileirão. O canarinho venceu por 2 a 0 o Volta Redonda, do Rio de Janeiro, no estádio Colosso Da Lagoa. Após o jogo, um possível caso de injúria racial de um torcedor que estava nas arquibancadas veio a tona..


Nesta segunda-feira, a direção do Canarinho se manifestou em um comunicado nas redes sociais. O clube afirmou que "acompanhou a confecção do Boletim de Ocorrência e da Súmula da partida, nos quais, constam a suposta ocorrência de uma injúria racial praticada por um torcedor perpetrada contra um membro da equipe do Volta Redonda", diz a nota.

O clube completa relatando que não está medindo esforços para apurar o ocorrido, e, de antemão, manifesta seu "inteiro repúdio a todos os tipos de injúria que possam ser praticadas dentro de um estádio de futebol. Ressalta-se que a apuração do caso será feita com grande rigor para que, caso confirmada a ocorrência, tal não se repita", declara.


Conforme a publicação, o Ypiranga e Brigada Militar agiram rápido para identificar o suposto ofensor quando da ocorrência da partida. Caso se confirme a injúria, o clube declara que irá tomar medidas extremas para que o cidadão não ingresse mais nas dependências do clube. "Porém, ao clube não cabe tecer juízo antecipado de condenação sem que o devido processo legal seja concluído para aferir sobre a responsabilização criminal, ou não do sujeito", afirma.


A direção ainda se colocou a disposição da Justiça para prestar os devidos esclarecimentos dos fatos.