top of page

Atacante Gilberto é apresentado no Jaconi

Anunciado na última sexta-feira, o atacante Gilberto, 34 anos, foi oficialmente apresentado para a imprensa nesta segunda (22), na sala de imprensa Dante Andreis, no Jaconi. Gilberto realizou o primeiro trabalho como atleta do Verdão no sábado e, após, acompanhou a vitória do Ju na estreia do Campeonato Gaúcho, em Bento Gonçalves. O atacante assina contrato com o alviverde até o final da temporada.

Goleador, Gilberto iniciou sua carreira nas categorias de base do Santa Cruz, onde estreou como profissional em 2008. Pelo clube, foi campeão estadual em 2011, anotando 12 gols em 18 partidas. Na sequência, pelo Internacional, conquistou o bicampeonato estadual, em 2012 e 2013. Em 2015, pelo Vasco, foi campeão Carioca.

Após passagem pelo Chicago Fire, dos Estados Unidos, Gilberto retornou ao Brasil, desta vez para defender o São Paulo, onde permaneceu por duas temporadas, sendo o artilheiro da equipe. Em 2018, o atacante chegou ao Bahia. No clube, permaneceu por quatro temporadas, somou mais de 180 jogos e anotou 93 gols. Em 2021 e 2022 defendeu o Al Wasl, dos Emirados Árabes unidos e na última temporada, atuou pelo Cruzeiro.

Em sua primeira entrevista como atleta do Verdão, Gilberto falou sobre o novo desafio. “Estou muito feliz de estar aqui, de ter tomado essa decisão e de acreditar nesse projeto de pessoas sérias, comprometidas com o futebol. Além do Roger, o interesse que o Juventude demonstrou me trouxe a tranquilidade e a felicidade de estar aqui. Minha família também mostrou muita felicidade quando disse que viria para cá”.

Sobre a condição física, Gilberto destacou estar preparado para enfrentar os desafios da temporada. “Eu vinha treinando normalmente, fiz uma mini pré-temporada em casa, me cuidei. Esse ano quero retomar da melhor forma possível. Fui no último jogo, estive com meus companheiros e estarei à disposição do treinador para ajudar o grupo da melhor forma”.

Presente na estreia Jaconera, Gilberto falou sobre o primeiro contato com o grupo. “O vestiário é extremamente bom, tranquilo. O Roger é um cara com um perfil bem tranquilo, que ajuda todo mundo. O Nenê, os outros atletas que permaneceram também, todos me receberam muito bem, é um grupo fácil de lidar. Tá tudo indo num caminho bom, a gente precisa continuar trabalhando forte, firme, para chegar no final do ano com as metas conquistadas”.

Por fim, o atacante agradeceu o carinho da Papada desde sua chegada. “Eu agradeço demais o carinho que tenho recebido. Assim que cheguei fui muito bem recepcionado, pessoal estava lá me esperando. Quando você é recebido desta forma, as coisas tendem a dar certo”.


Foto: Fernando Alves/E.C.Juventude

Comments


bottom of page