Badico quer colocar o Bagé no mapa do futebol nacional de 2020

Com 81% de aproveitamento, o Bagé faz uma grande campanha na Copa Verardi. O clube ainda não perdeu no torneio deste segundo semestre. Em sete jogos, foram cinco vitórias e dois empates. Os bons números não param por aí. O time sofreu apenas um gol em toda a primeira fase, que termina no próximo final de semana. O ataque fez 13 gols, o segundo melhor do grupo A. O jalde-negro lidera o seu grupo com 17 pontos, de forma isolada, e tem ao seu lado ainda tem Pelotas, Cruzeiro, União Harmonia e 12 Horas.


Nesta semana, nas redes sociais, o técnico Badico falou sobre esse bom momento do clube. Ele declarou que um projeto novo sempre é difícil, ainda mais dentro da cidade onde nasceu. Ele ainda pediu o apoio do torcedor para colocar o clube, pela primeira vez, em um torneio nacional.


"Cobranças, responsabilidades sempre dobradas. Aceitei o convite do presidente Rafael Alcalde e do Rodrigo Trindade pois sempre acreditei que com planejamento e responsabilidade poderíamos sonhar em colocar pela primeira vez um clube de Bagé em uma competição nacional. Falta um longo caminho ainda, porém hoje temos 81% de aproveitamento jogando inclusive contra clubes da Série A. Peço o apoio do torcedor e de todas as pessoas que acreditaram no projeto para que possamos colocar o Grêmio Bagé em uma competição nacional no ano de 2020," contou o treinador Badico

Vale lembrar que a Copa Verardi disponibiliza uma vaga para a Copa do Brasil e outra para a Série D do Brasileirão. O campeão escolhe qual competição deseja disputar e o vice fica com a outra. Caso um clube já tenha vaga nessas competições, abre espaço para o 3º ou 4º colocado da copinha.


Foto: Daniel Pillar/Inter SM/Arquivo/Divulgação