DIRETOR DE FUTEBOL DO GUARANI-VA É MORTO A TIROS

Éder Silva, ex-jogador, e atual diretor de futebol do Guarani de Venâncio Aires foi morto a tiros na quinta-feira no interior do municipio do Vale do Rio Pardo. Aos 36 anos, ele foi assassinado enquanto chegava em casa, na localidade de Linha Santo Antônio, interior de Mato Leitão. Conforme informação do jornal Folha do Mate, Éder foi surpreendido por dois assaltantes, que estavam dentro da casa onde vivia com a família. O homem estava acompanhado do filho, que conseguiu fugir ao ouvir os disparos.

Éder iniciou sua trajetória no Guarani nas categorias de Base em 1996. O clube, que realiza sua pré-temporada visando a Divisão de Acesso, se pronunciou no Facebook. "Não temos palavras para expressar os nossos sentimentos. Pedimos a Deus que conforte o coração dos familiares e amigos neste momento de dor", declarou o clube em nota.  #peleiafc

Foto: Divulgação/Guarani