Do interior gaúcho para mais uma final, esse é Tiago Nunes

O técnico do Athletico Paranaense é a prova que o futebol gaúcho é uma fábrica de grandes profissionais, que não precisam passar pelos dois grandes da capital para conquistar espaço no cenário nacional.


Formado em Educação Física pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), Tiago Nunes começou a sua carreia como preparador físico. Depois, iniciou a carreia como treinador e o trajeto de visibilidade iniciou fora do estado no Acre e, na sequência, em solo gaúcho no Riograndense. O profissional nunca negou suas origens e, pelo contrário, tem orgulho de sempre lembrar que começou no interior.


Tiago passou por outras equipes gaúchas antes de ganhar destaque no Paraná, como Bagé, Sapucaiense, União Frederiquense, Juventude (sub-20), São Paulo e por último o Veranópolis. Após, veio a virada na sua carreira. Foi contratado para comandar o time sub-23 do furacão e ganhou o estadual contra o maior rival o Coritiba.


Logo após ser técnico interino na Arena da Baixada foi efetivado e o sucesso só aumentou, conquistando a Sul-Americana, indo para a Libertadores e levantando a taça da antiga Copa Suruga. Novamente, o profissional chega a uma final, desta vez eliminando o Grêmio dando um nó em Renato Gaúcho. O tricolor não conseguiu jogar na Arena da baixada e foi eliminado nos pênaltis.


Assim, mais um profissional formado no barro dos gramados do pampa surge no cenário do futebol nacional, assim como tantos outros. E a fila não para! Temos bons nomes treinando equipes do interior hoje no futebol gaúcho.


Foto: Luana Trentin / Veranópolis