Domingo de Série A2 tem Glória líder, Pelotas em alta e clássicos empatados

Cinco jogos complementaram a abertura do returno do Gauchão Série A2 - Divisão de Acesso neste domingo (15). O dia de muito futebol nos gramados do Rio Grande do Sul foi repleto de emoção, com clássicos, virada e gol nos acréscimos. O encerramento da oitava rodada confirmou também o Glória como líder do Grupo A e a ascensão do Pelotas no Grupo B.


O Glória bateu o Brasil-Far e se manteve na ponta de sua chave. A vitória era fundamental para o Leão da Serra já que o Veranópolis segue apenas um ponto atrás. Por falar em se aproximar do líder, o Pelotas venceu o São Gabriel de virada, chegando à terceira vitória consecutiva. Está agora a um ponto do primeiro colocado, o Santa Cruz, que empatou o Ave-Cruz com o Avenida. Outro clássico que terminou em igualdade foi entre Passo Fundo e Gaúcho, com direito a gol aos 50 minutos da etapa final. O Passo Fundo ainda ergueu a Copa Passo Fundo 165 anos – Taça Meirelles Duarte, que estava em disputa nos dois duelos entre os rivais nesta primeira fase.


Confira mais detalhes dos jogos:


Passo Fundo 1 x 1 Gaúcho / Grupo A - No Estádio Vermelhão da Serra, em Passo Fundo, o clássico foi movimentado do início ao fim. Os gols ficaram para o segundo tempo. Aos 15 minutos, Wilson Jr puxou contra-ataque, a bola sobrou para Matheus Lagoa, que serviu Diogo Oliveira na área: 1 a 0 para o Passo Fundo. Aos 50, Rafinha cabeceou no contrapé do goleiro Allan e empatou. O duelo valia taça. O Passo fundo conquistou a Copa Passo Fundo 165 anos – Taça Meirelles Duarte porque levou a melhor na soma dos dois jogos - havia vencido na 7ª rodada.


Glória 3 x 1 Brasil-Far / Grupo A - No Estádio Altos da Glória, em Vacaria, os donos da casa saíram à frente aos oito minutos. Germano recebeu na área e chutou rasteiro: 1 a 0 para o Glória. A etapa final reservou mais emoção e, no primeiro minuto, o Glória marcou o segundo. João Paulo cabeceou e ampliou. Com o controle da partida, o Leão da Serra fez o terceiro. Depois do desvio de João Paulo, Vitor empurrou para o fundo da rede: 3 a 0. O Brasil descontou com com Lagoa.


Avenida 1 x 1 Santa Cruz / Grupo B - No Estádio dos Eucaliptos, o Ave-Cruz foi eletrizante desde o início e teve a marca dos centroavantes. Aos dois minutos, o Avenida abriu o placar com Ayala aproveitando rebote. O time da casa seguiu melhor na primeira etapa. No segundo tempo, o Santa Cruz passou a atacar mais. O 1 a 1 surgiu aos 35 minutos. Após bate-rebate, a bola sobrou para Nena, que cabeceou para deixar tudo igual no clássico em Santa Cruz do Sul.


Pelotas 2 x 1 São Gabriel / Grupo B - Na Boca do Lobo, o São Gabriel saiu à frente aos três minutos. Após escanteio, Thalles aproveitou a bola no alto e fez 1 a 0. O Pelotas respondeu ainda no primeiro tempo, também em escanteio que chegou até Paulo: 1 a 1. A virada dos donos da casa saiu aos cinco da etapa final. Caíque deixou o banco de reservas para fazer jogada individual e balançar a rede. O São Gabriel pressionou em busca do empate, mas o goleiro Luis Cetin segurou o resultado que fez o Pelotas se aproximar do líder Santa Cruz.


São Paulo 0 x 0 Lajeadense / Grupo B - No Estádio Aldo Dapuzzo, em Rio Grande, as equipes fizeram um duelo equilibrado e de muita marcação. Tanto São Paulo quanto Lajeadense encontraram poucos espaços para criar perigo real aos goleiros. No segundo tempo, os donos da casa chegaram forte aos 30 minutos. Luan chutou forte de fora da área, obrigando Igor Castro a fazer importante defesa. Empate melhor para o Lajeadense, que segue no G-4 da chave.


Foto: Aline Klug - AI/ECP

Fonte: Lucas Rizzati, Angelo Pieretti e Silvia Macedo/FGF