Foi terrível, afirma ex-jogador do Riograndense que presenciou queda de raio

Na manhã do último domingo, um raio caiu em um campo de futebol na cidade de Gravataí. O estádio Arena Orisó recebia as equipes do Rosário Central e Tarumã para uma partida amistosa. Antes dos 15 minutos, o jogo foi interrompido com a queda de uma descarga elétrica. Mais de 10 pessoas ficaram feridas e um jogador morreu. O zagueiro do Rosário, Valdenir Massaia não resistiu aos ferimentos e faleceu.


O jogador Marcos Vinicius, com passagem pelo Riograndense, de Santa Maria, presenciou o fato. Ele estava em campo e disse que a cena foi horrível. O goleiro contou ao site peleiafc.com que já tinha presenciado fato semelhante em uma partida na praia.


"Estava jogando pela SER Tarumã, foi pelas 9 da manhã, mal tinha começado o jogo. Quando chegamos no campo batia água, a chuva já era forte, o clima era pesado. Pensei em jogar na goleira onde aconteceu o acidente, mas fomos para a outra. Ano passado, eu tinha vivido algo parecido na praia, na cidade de Pinhal", falou o atleta.


Quando começou a intensificar as trovoadas, o Marcos relata que se abaixou. Na sequência deu um forte estouro e viu os atletas de ambos os times caídos de bruços no gramado.


"Lembro só que no momento de muita chuva começou a levantar umas trovoadas, mas não mostrava que ia dar raio. Eu só lembrei do momento da praia quando caía raio para não ficar em pé. Eu fiquei agachado com as mãos no joelho. Eu me abaixei e passou uma corrente no céu, em cima de nós, e deu um estouro. Quando deu o estouro, eu me joguei no chão. Me levantei e todos os atletas estavam caídos desmaiados de bruços. Eu fiquei apavorado", recordou o goleiro.


Após o fato vivenciado, Marcos anunciou que não jogará mais futebol. Ele completou dizendo que jamais imaginou ver uma cena dessas. "Foi terrível, filme de terror. Agora é orar para que o coração da família do mesmo seja confortado", contou o jogador.


Foto: Arquivo Pessoal