Governador terá encontro com a FGF: "Retorno a treino não há vedação", afirma Leite à TV

Na próxima terça-feira, o presidente da Federação Gaúcha de Futebol terá um encontro com Eduardo Leite, governador do Rio Grande do Sul. Por isso, a reunião entre clubes os presidentes da Série A do Gauchão e Luciano Hocsman foi adiada para a semana que vem. A videoconferência seria nesta sexta-feira.


No encontro, Hocsman e Leite vão discutir a possível retomada dos treinos dos clubes de futebol e quem sabe uma data para liberação dos jogos. O governador já se manifestou que eventos com aglomeração serão os últimos a voltar, mas a retomada de partidas com portões fechados é uma situação a ser debatida.


Nesta sexta-feira, em entrevista ao programa Jornal do Almoço, da RBS TV, Eduardo Leite foi questionado sobre a temática do futebol. Ele reafirmou que o foco é evitar aglomerações, mas revelou não haver restrição quanto aos treinos.


"Toda a nossa luta é contra aglomeração de pessoas. Nestes casos de retorno a treinos não há vedação. Vamos ter que consultar, neste caso, os municípios da zona vermelha (Passo Fundo e Lajeado) sobre a aplicação das restrições. Se eles poderão abrir a possibilidade de seus clubes retornarem. Vamos discutir na terça-feira com a Federação Gaúcha de Futebol se poderemos ter algum retorno para encerramento de campeonato com portões fechados. Não vemos a curto e médio prazo eventos de qualquer natureza com aglomeração de pessoas", afirmou Eduardo Leite.


O governador chegou a citar na entrevista duas regiões que estão na zona vermelha e que possuem restrições mais rígidas para abertura de comércio e circulação de pessoas. Contudo, não há nenhuma equipe do Campeonato Gaúcho nessas duas região, o que pode facilitar a liberação das atividades esportivas.


Foto: Felipe Dalla Valle/Palácio Piratini