Julgamento do São Luiz por injúria racial é suspenso no TJD

O São Luiz seria julgado hoje à tarde no Tribunal de Justiça Desportiva do Rio Grande do Sul pelos fatos ocorridos na partida diante do Caxias, no mês de março em Ijuí. O julgamento, da suposta injúria racial, no entanto, foi suspenso em virtude de um incidente processual até confecção do acórdão (decisão) pelo Auditor Relator, para fins do procurador Alberto Franco entender de interpor recurso ou não. A defesa do clube é composta pelo vice-presidente jurídico, Dr. César Busnello, e pelo diretor jurídico, Dr. Vilson Dornelles.