Meia do Passo Fundo projeta semifinais contra o Pelotas: “Duas partidas muito difíceis”

Assim como em 2021, o Passo Fundo se classificou às semifinais da Copa FGF e agora disputará uma vaga na grande decisão com o Pelotas. O primeiro jogo será nesta quarta-feira e depois no sábado. O Galo do Planalto tem 100% de aproveitamento na competição até aqui, com 8 vitórias, 22 gols marcados e apenas 2 sofridos.


Uma das peças dessa equipe é Guilherme Teixeira, meio-campista que entrou no intervalo do último jogo contra o Garibaldi, pela partida de volta das quartas de final. Ele projetou os confrontos das semifinais diante do Pelotas.


“Serão duas partidas muito difíceis. Assim como nós, o Pelotas fez uma campanha na Copa FGF bem equilibrada e com bons resultados. A viagem para jogar em Pelotas será bem longa, tanto para nós quanto para eles, e acho que o aspecto mental será muito importante nessa altura da competição”, afirmou o jogador de 24 anos.


Natural de Passo Fundo, Guilherme Teixeira retornou ao estado do Rio Grande do Sul para jogar pelo clube de sua cidade após passagem pelo Cianorte no primeiro semestre de 2022, onde disputou a elite do Campeonato Paranaense. Hoje, faz parte da melhor campanha da história do Tricolor na Copa FGF, que pode disputar sua primeira final na competição desde a fundação, em 1986. O meia comentou sobre a possibilidade.


“Representa muito para mim. Quando pequeno, antes de ir para Porto Alegre jogar no Internacional, eu era acostumado a ver o EC Passo Fundo jogar. Ia

no estádio, torcia pelo time e hoje posso estar do outro lado do alambrado em

uma campanha muito importante para a instituição. Mas não queremos parar

por aqui. O objetivo é o título da competição para que consigamos uma classificação na Copa do Brasil, algo que seria inédito na história do clube”.


Passo Fundo e Pelotas se enfrentam nesta quarta-feira, às 19h30, no Estádio

Boca do Lobo, pelo jogo de ida da semifinal da Copa FGF.


Foto: BH Fotos/Dayana Giacomini/Assessoria