top of page

Novo Hamburgo emite nota após caso de injúria racial no Estádio do Vale

O Novo Hamburgo emitiu uma nota de repúdio após um caso de racismo ser registrado no Estádio do Vale durante a partida contra o Caxias. O jogo foi realizado na última quinta-feira e o árbitro da relatou em súmula que atletas do banco de reservas do Caxias foram ofendidos por um torcedor com a frase "bando de macacos". O caso ocorreu logo aos 8 minutos do primeiro tempo.


Na nota encaminhada para a imprensa, o clube repudiou qualquer tipo de manifestação preconceituosa.


"Chegou ao nosso conhecimento que na noite de 16/02 na partida entre Novo Hamburgo e Caxias no Estádio do Vale, algum torcedor, deferiu palavras de cunho racista à jogadores ou arbitragem. Ressaltamos que o Esporte Clube Novo Hamburgo não compactua com esse tipo de comportamento e já esta trabalhando de forma que possa encontrar o culpado", declarou.


Ainda no comunicado, o presidente do clube, Jerônimo Freitas, se manifestou dizendo que o Novo Hamburgo trabalha para identificar o torcedor autor da ofensa racial. O clube pretende encaminhar o nome à polícia e banir dos jogos do clube.


"Vamos fundo nessa busca e puniremos de forma pesada o autor, somos um clube de tradição e prestes a completar 113 anos de historia, não podemos deixar que fatos de tal importância manchem nossa história, vamos identificar, encaminhar a polícia e banir dos jogos", finalizou o Presidente Jerônimo Freitas.


Foto: Novo Hamburgo/Divulgação

Comentarios


bottom of page