Presidente do Brasil renuncia ao cargo


Após um período afastado por questões de saúde, o Brasil de Pelotas anunciou que o presidente Nilton Pinheiro entregou sua carta de renúncia ao Conselho Deliberativo do clube. Pinheiro assumiu o Xavante neste ano após o fim da era Ricardo Fonseca, que levou o time da Série B do Gauchão para a Série B do Brasileirão.


Segundo nota oficial do Brasil, a carta de renuncia foi entregue ao presidente do conselho, Evânio Tavares. Pelo estatuto, os três vices eleitos (futebol, administrativo e finanças) assumem o comando do clube no lugar de Pinheiro. Contudo, como não há um vice de futebol, a mesa diretora do conselho entende que o clube deve ter novas eleições, pois a diretoria está descaracterizada.


NOTA OFICIAL

Nota oficial da Mesa Diretora do Conselho Deliberativo do Grêmio Esportivo Brasil

Vimos por meio desta informar que o Presidente do Conselho Deliberativo, Evânio Tavares, recebeu do Presidente Nilton Pinheiro, ontem, dia 04 de outubro de 2021, a carta de renúncia à Presidência do Executivo do clube.

Segundo o estatuto do clube, no caso de renúncia do Presidente, assumem os 3 vice-presidentes eleitos: futebol, administrativo e finanças.


Considerando a situação atual do clube e que a Diretoria Executiva eleita está descaracterizada não só pela renúncia do Presidente, mas também pela ausência do vice-presidente de futebol eleito, a mesa diretora do Conselho Deliberativo entente que o mais adequado para atender os interesses do clube seria a renúncia dos vice-presidentes remanescentes e consequentemente a convocação de uma nova eleição para a Diretoria Executiva do Grêmio Esportivo Brasil.


Evânio Tavares

Presidente do Conselho Deliberativo