Riograndense-RG estuda jogar a Copa FGF

O futebol de Rio Grande voltou a contar com três clubes. Além do São Paulo e do Rio Grande, o Riograndense retomou as atividades com o departamento de futebol. O clube está disputando a Copa Safergs. No último final de semana, o time fez a sua estreia em casa após 15 anos sem jogos no estádio Torquato Pontes. O projeto foi reiniciado com a categoria Sub-20. Para o ano que vem, a ideia é jogar a Terceirona Gaúcha. Contudo, o presidente do clube, Adilson Marandini, declarou em entrevista a assessoria da Safergs, que a diretoria estuda jogar a Copa FGF. Neste ano, a competição ganhará o nome de Copa Antônio Carlos Verardi, histórico dirigente do Grêmio falecido este ano.


"O próximo passo é manter essa chama e de seguir com a revitalização do estádio. A gente sabe que o torcedor quer o clube jogando. Agora temos a Copa Safergs, no segundo semestre tem a possibilidade da Copinha, claro que é algo meio utópico, pela condição do estádio, mas é uma ideia. Mas a nossa perspectiva mesmo é voltar na Terceirona num futuro próximo, talvez ano que vem. Hoje, a gente trabalha com os pés no chão", projetou o dirigente


Segundo o presidente, nesse tempo parado, o clube realizou apenas jogos amistosos, mas nada com tanta força como agora com a retomada dos trabalhos. "Nesse tempo parado, nós tivemos atuações periódicas, como no Centenário do clube, jogamos alguns eventos amistosos até 2012 e depois nós ficamos inativos. Voltamos agora, até pela torcida, que se movimentou pelo Whatsapp. Em uma reunião eu fui convidado para participar e unimos a torcida", contou mandatário.


Segundo Marandini, a dificuldade maior enfrentada é na questão financeira. "Nós temos recursos humanos, pessoas que se interessam mas sempre barra na questão financeiras. Por isso estamos alinhando nossos projetos a isso", finalizou.

Foto: Riograndense-RG / Divulgação