Série A2: Para presidente do Bagé, não há condições de ter o campeonato

Na próxima semana, a Federação deverá decidir junto com os clubes da Série A2, o futuro da Divisão de Acesso. Nenhuma possibilidade está descartada, como já revelou o presidente da FGF, Luciano Hocsman à Rádio Imembuí.


O site peleiafc.com conversou com alguns dirigentes e não há consenso sobre o futuro do campeonato. A nossa reportagem chegou a ouvir de um presidente "está tudo no escuro, estamos sem rumo, está todo mundo perdido".


Há quem defenda que a Divisão de Acesso volte somente no segundo semestre. Outros sugerem a continuidade com portões fechados, algo que os órgãos de saúde não recomendam.


Em entrevista ao jornal Minuano, o presidente do Bagé, Rafael Alcalde se posicionou quanto a Divisão de Acesso. Este ano é especial para o clube, pois completa seu centenário no futebol gaúcho. Ele acredita que não há mais condições de ter futebol neste primeiro semestre.


"Agora, esperaremos o posicionamento da Federação e do Sindicato dos Atletas, sobre a conduta a ser seguida. Tenho certeza que não vai ter jogos neste semestre. Não há condições de ter campeonato. Os números de casos do coronavírus aumentam a cada dia. Isso será exponencial. Nos próximos 40 dias, será um horror. Não tem condições de deixar os atletas aqui. A melhor situação é que fiquem isolados em suas residências", manifesta o dirigente ao jornal Minuano.


Foto: Peleia FC/Tiago Nunes