Torcedor do Esportivo entrega carta inusitada ao presidente do clube

Imagine receber uma carta, acompanhada de uma significativa quantia em dinheiro, para sanar ‘dívidas’ retroativas ainda do início da década de 2000 – presenteando o destinatário na véspera de seu aniversário. Pois esse fato inusitado foi vivenciado pelo Esportivo Bento Gonçalves nos últimos dias. O torcedor alviazul Emanuel Schimtz de Menezes, com a intenção de se ‘redimir’ por entradas no estádio de forma irregular ao longo dos anos – seja sem ingresso ou fraudando carteiras de sócio –, entregou na sede administrativa do clube uma carta manuscrita, na qual reconhece os erros passados, junto à R$ 2 mil em dinheiro – para quitar os débitos contabilizados por ele mesmo.


O fato aconteceu no dia 27 de agosto, véspera do centenário – e chamou a atenção pela singularidade. Segundo funcionários do clube, Emanuel foi até a secretaria e entregou o envelope. Sem discorrer sobre detalhes, apenas solicitou que a carta fosse endereçada ao presidente do Esportivo, Anderson Zanella – que, surpreso, ficou emocionado com a atitude.


“Ele poderia ter entregado a carta sem um centavo no envelope, pois a grandeza do ato está em pedir desculpas, de reconhecer seus atos falhos”, comenta. Amparada por passagens bíblicas, a carta detalha o sentimento de redenção do torcedor.


De acordo com o presidente, o clube está em contato com o indivíduo para agradecer pela iniciativa e reconhece-lo com uma carteirinha oficial de sócio válida por um ano.


Confira a carta na Integra

"Bento Gonçalves - RS 27/8/19

A/C Direção do Clube Esportivo


Entrementes, Zaqueu se levantou e disse ao Senhor: Senhor, resolvo dar aos pobres a metade dos meus bens; e, se nalguma coisa tenho defraudado alguém, restituo quatro vezes mais' Lucas 19:8. 'Ouvindo eles estas coisas, compungiram-se-lhes o coração e perguntaram a Pedro e aos demais apóstolos: Que faremos, homens irmãos? Respondeu-lhes Pedro: Arrependei-vos, e cada uma de vós seja batizado em nome de Jesus Cristo para remissão dos vossos pecados, e recebereis o dom do Espirito Santo' Atos 2:37-38.


Algumas vezes, meu irmão e eu, pulamos o muro da Montanha Velha. Outra, invadimos a área social sem ter pago ingresso. Além disso, se não me engano, no ano 2000, meu irmão, eu e mais um amigo, entramos várias vezes nas cadeiras numeradas portando um cartão de sócio da Fasolo e um outro cartão encontrado na rua, o qual não adulteramos. 


Peço que aceitem essa quantia como expressão de arrependimento e nos perdoem, como está escrito em Mateus 18:21-22 '... até quantas vezes meu irmão pecará contra mim, que eu lhe perdoe?... até setenta vezes sete' Por favor, perdoai-nos,


Emanuel Schimitz de Menezes"


Foto: Divulgação/Esportivo