Neste sábado, a partir das 20h, uma nova temporada terá início para o São José. Jogando no Estádio Montanha dos Vinhedos, em Bento Gonçalves, o Zeca estreia no Gauchão diante do Esportivo. Nos últimos quatro estaduais, as estreias do São José são marcadas por muito equilíbrio. Foram dois empates, uma vitória e uma derrota. O último destes empates foi justamente contra a equipe da Serra, no ano passado.


"O adversário entra na competição para defender o título do interior, fez contratações importantes e joga em sua casa. Temos que jogar esse confronto com muita inteligência e nos preocuparmos com o adversário como um todo", diz o técnico Carlos Moraes, que terá nesta partida a sua estreia pelo Zeca.


Durante a pré-temporada, enquanto eram feitos ajustes na equipe, foram cinco jogos-treino que encerraram com invencibilidade do Zeca. Quem participou do último destes testes foi o meia Rafael Tavares, que retorna ao Passo para mais uma temporada.


"Temos que fazer um campeonato melhor do que em 2020, e só conseguiremos isso desempenhando um bom futebol, com coragem de jogar e muita vontade de vencer. Temos totais condições de alcançar nossos objetivos. O time tem que ter consciência, desde o primeiro momento da estreia, de que é um Gauchão, não é qualquer campeonato. Tem choque, contato e muita peleia. Eu quero muito ajudar os meus companheiros a vencermos e sermos campeões", diz o meia.


Foto: Divulgação

Chegou a hora. Neste, o Lobo inicia a sua caminhada no Campeonato Gaúcho diante do Novo Hamburgo, em São Leopoldo. Na manhã de sexta-feira (26), o atacante Héctor Bustamante projetou o confronto no Cristo Rei.


“Esperamos um jogo muito difícil. Na estreia, todo mundo quer dar o seu melhor para sair vencendo. O time do Novo Hamburgo é muito competitivo, então temos que entrar, medir forças e fazer o nosso melhor para sair vitorioso”.


O atleta de 25 anos, reforço para o Estadual, destacou a rápida adaptação ao clube. “A verdade é que fica muito mais fácil quando você é acolhido pelos companheiros, como eles me receberam. O grupo é muito bom, isso ajudou bastante”, comentou.


Sobre a parte física, o paraguaio garantiu que está preparado para encarar a sequência de jogos. “Estou melhorando a cada dia. Hoje, posso falar que estou fisicamente muito bem. Infelizmente, não estava jogando muito no semestre passado, mas já estou recuperado. O trabalho do professor tem me ajudado bastante”.


Bustamante é natural de Encarnación, cidade localizada no sul do Paraguai e que fica a 370km da capital do país. Em solo gaúcho, ele já passou pelo Novo Hamburgo.


Foto: Tales Leal/Pelotas

Há tempos o Juventude vem trabalhando para oferecer a melhor estrutura ao seu torcedor e demais envolvidos no dia-a-dia do clube e, mesmo sem poder receber público neste primeiro momento, o clube segue investindo. Nesta sexta-feira (26/02), foi concluída a instalação do primeiro módulo das novas cadeiras do setor nobre do estádio Alfredo Jaconi.


Em dois tons de verde, as cadeiras com assento rebatível por gravidade são as mesmas instaladas nas arenas e estádios mais modernos do mundo, seguindo um alto padrão. Além de deixar o estádio Alfredo Jaconi ainda mais bonito, as cadeiras irão oferecer também muito mais conforto aos torcedores que culturalmente assistem aos jogos no setor. As primeiras unidades foram instaladas na frente da tribuna de honra. A ideia, porém, é completar todo o espaço até o final desta temporada.


"O Esporte Clube Juventude é um clube feito para o torcedor e dentro das prioridades está proporcionar a melhor experiência para cada um. É em cima desta filosofia que estamos promovendo mudanças significativas em todos os setores do estádio. Além disso, entendemos que todo investimento feito em patrimônio sempre renderá bons frutos ao clube”. Destacou o vice-presidente geral, Luis Carlos Bianchi.


Outras reformas no Alfredo Jaconi


Durante a disputa da Série B, toda arquibancada foi pintada e o túnel de acesso ao campo foi ampliado. A área administrativa e a secretaria também passaram por uma reformulação total, oferecendo ainda mais comodidade. Nos vestiários, foram colocadas banheiras de hidromassagem e sauna seca. Além disso, o gramado já está em processo de substituição para a disputa da Série A.


Mesmo com todas mudanças, o clube ainda quer mais. Com a ajuda da campanha “Iluminar o Jaconi”, o Verdão pretende substituir todo sistema de iluminação do estádio mediante a meta de um milhão de reais a ser alcançada. A substituição dos alambrados e do sistema de sonorização também estão nos planos da direção Alviverde.


Foto: Gabriel Tadiotto/E.C.Juventude